Energepar tem 10 dias para apresentar certidão do Inmetro das lâmpadas de LED


 A Prefeitura notificou e suspendeu os pagamentos à empresa responsável pelo novo sistema de iluminação pública de Foz do Iguaçu. A medida busca saber se as lâmpadas de LED têm certificação Inmetro, que garante a qualidade dos produtos que estão sendo implantados na cidade. O prazo para a comprovação da Energepar Empreendimentos Elétricos Eireli, vencedora da licitação, é de 10 dias.


A instalação das novas luminárias em Foz do Iguaçu teve início na última semana de junho deste ano. O investimento é de R$ 10,3 milhões. Nesta etapa, 5.799 pontos de 66 ruas e avenidas de diversos bairros serão contemplados. A estimativa da Prefeitura é economizar aproximadamente 18% na fatura mensal de iluminação.


A licitação 017/2018, ocorrida em 30 de outubro do ano passado, teve participação de seis empresas de diversos locais do Brasil e de Foz do Iguaçu. A Energepar, segundo a notificação, tem prazo de dez dias para comprovar que as lâmpadas têm o certificado. Se não comprovar, a prefeitura pode suspender os pagamentos e exigir que as lâmpadas sejam retiradas.


"As lâmpadas que foram colocadas sem certificação não serão aceitas pelo Município", adiantou o procurador geral, Osli Machado. Em entrevista à imprensa, ele informou que a justificativa dada pela empresa, de que a fabricante chinesa não conseguiu renovar a certificação por questão de prazo, não convenceu.

Informações: GDia
Foto: AMN