Comissão do Senado aprova Zona de Processamento de Exportação em Foz


 

A Comissão de Desenvolvimento Regional (CDR) do Senado Federal aprovou, na última terça-feira (2), projeto de lei que cria uma Zona de Processamento de Exportação (ZPE) em Foz do Iguaçu. A iniciativa, do senador Alvaro Dias, prevê a transformação da cidade em área de livre comércio com o exterior, podendo receber empresas dedicadas à produção de bens exportáveis.


As ZPEs são, na prática, distritos industriais incentivados com tributação especial, com a intenção é incentivar o investimento produtivo de capital nacional ou estrangeiro. A ideia é aumentar a competitividade das exportações agregando valor aos produtos. A iniciativa, segundo Alvaro Dias, vai gerar empregos e renda, difundir novas tecnologias e promover o desenvolvimento econômico e social.


Para o senador Flávio Arns, relator da matéria na Comissão, as ZPEs ajudam a melhorar os indicadores sociais e econômicos das áreas estimuladas. "Contribui para a redução de desequilíbrios de desenvolvimento entre regiões", destacou ele, ao apresentar voto favorável ao PL 2.329/2019.


Arns prevê que a ZPE vai estimular a indústria e os serviços em uma área que classificou como “corredor da pobreza” do oeste paranaense. O senador, de acordo com a Agência Senado, destacou que, apesar de alguns municípios apresentarem bom Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) na região, há várias cidades carentes ao redor.

Informações: GDia

Foto: Roger Meireles