Homem é preso suspeito de fabricar bebidas com etanol de postos de combustíveis, em Curitiba


 Um homem, de 50 anos, foi preso suspeito de fabricar bebidas destiladas, em uma fábrica clandestina, em Curitiba. A prisão em flagrante foi nesta segunda-feira (28).

 

Segundo a Polícia Civil, o suspeito usava etanol de postos de combustíveis para fazer vodca e uísque.

 

A polícia informou que as bebidas eram vendidas em estabelecimentos do bairro Sítio Cercado. Cada garrafa de bebida falsificada, conforme a polícia, era comercializada por cerca de R$ 15.

 

Na fábrica clandestina, de acordo com a polícia, foram apreendidas garrafas, bebidas fabricadas ilegalmente e essências, usadas para dar sabor aos produtos.

 

O suspeito também foi preso por furto de energia elétrica, constatado no local, conforme a polícia. O homem é estudante de direito, e tem outras passagens policiais por estelionato e falsificação.

 
Informações: G1 Paraná

Foto: Divulgação/Polícia Civil