Sanepar volta a alertar para uso racional da água em Medianeira


 A instabilidade no clima, com chuvas irregulares e altas temperaturas, tem afetado o nível de água do Rio Alegria e baixado a vazão dos poços que abastecem Medianeira. Na manhã da última sexta-feira (10), a vazão do rio, que normalmente é de 135 litros de água por segundo, estava em 97 litros por segundo. A vazão dos poços também reduziu para 18 litros por segundo. Em razão disto, a Sanepar terá que adotar medidas operacionais para manter o abastecimento de água nos horários de maior consumo.

Portanto, é imprescindível que a população priorize o uso da água para alimentação, higiene pessoal e limpeza da casa, sem desperdícios. “A empresa alerta para a necessidade do uso racional da água. Neste momento a contribuição da população é fundamental para que todos tenham água em suas casas. Se todos utilizarem a água de forma racional, ela será suficiente para toda a população”, diz o gerente regional da Sanepar, Nilton Perez.

Ele afirma que, entre maio e novembro passado, houve uma estiagem muito severa que levou a Sanepar a programar em novembro rodízio no abastecimento de água. No entanto, a medida foi suspensa graças à contribuição da população e às chuvas que ocorreram.

Uso racional – A economia, além ser um fator de consciência ecológica, também faz bem para o bolso do consumidor. Por isso, sempre vale lembrar algumas dicas de como usar adequadamente a água tratada.

- Reduza a lavagem diária de roupa. Acumule e use a capacidade máxima da máquina de lavar.

- A água do último enxágue do tanque ou da máquina pode servir para regar jardim e grama, ensaboar tapetes, tênis e outras peças.

- A água do tanque ou da máquina em que foi lavada a roupa serve para lavar calçadas e pisos. Lembre-se: lavar as calçadas com a mangueira é desperdiçar água tratada. Para “varrer” a sujeira, use a vassoura.

- Feche a cuba da pia, deixando um pouco de água. Ensaboe toda a louça e enxágue com água limpa. Não deixe a torneira aberta durante todo o tempo.

- Lave o carro usando balde: isso economiza até 300 litros de água.

- Cinco minutos de chuveiro consomem 70 litros de água. Reduzir o tempo do banho faz muita diferença na conta.

- Reduza o tempo da torneira aberta enquanto escova os dentes, ensaboa as mãos ou faz a barba. Torneira aberta manda para o ralo 20 litros de água por minuto. Prefira vasos sanitários menores, que utilizam menos água para a descarga.

Cuidado com as piscinas – No caso das piscinas de fibra ou alvenaria, é essencial que elas tenham sistema de filtragem e que a limpeza seja realizada preferencialmente por profissionais especializados. A manutenção é garantia de saúde dos frequentadores e de economia de água.

Em relação às piscinas plásticas, há duas dicas essenciais para quem quiser contribuir e evitar desperdícios: cobrir a piscina quando não estiver sendo utilizada para evitar que sujeiras caiam na água; e não descartar todos os dias a água, evitando o gasto excessivo com a reposição da água. Para manter a qualidade desses reservatórios, o morador pode adicionar uma colher (das de sopa) de água sanitária comum para cada mil litros de água.